sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

PERIQUITO

Salto de galho em galho
como um enorme pássaro desajeitado,
um periquito sem ter onde molhar o bico,
depenicando nas migalhas duma vida fortuita
ilusões de amores perfeitos.

Sem comentários:

Enviar um comentário