domingo, 6 de dezembro de 2009

MENSAGEM DE ADEUS

Nunca esquecerei a magnificência desse teu gesto
que se me apraz, muito me espanta,
que do cimo dessa tua altivez
onde reina a cegueira absurda
e uma mais que duvidosa inteligência
sejas tu capaz de tão eloquente gesto,
ignorar de todo esse amor
que um dia disse sentir por ti
e que aos poucos destruíste dentro de mim.

Sem comentários:

Enviar um comentário